sexta-feira, 26 de fevereiro de 2010

Pão de sementes

E mal a máquina chegou, já me aventurei a fazer o meu primeiro pão! Decidi começar com algo bem básico, pois já li na blogosfera que muitos "padeiros" acabam por deitar fora os primeiros pães que fazem na MFP porque não ficam bons. Então, joguei pelo seguro e comprei farinha própria para a MFP, já com os ingredientes todos misturados. Como a minha intenção nunca foi fazer pão branco, optei por uma farinha para fabrico de pão de sementes, da marca Continente. Et voilà! Eis o meu primeiro pão! E que lindo e saboroso que ele ficou logo da primeira vez :)


Ingredientes: (p/ 1 pão com cerca de 750 gr)
300 ml de água fria
2 colheres (sopa) de óleo (usei de soja)
500 gr de farinha para fabrico de pão de sementes do Continente

Preparação:
Untar a pá com um pouco de óleo para que seja mais fácil de retirar quando o pão estiver pronto. Colocar os ingredientes na cuba da máquina pela ordem apresentada. Regular a máquina para o programa 1 (normal), nível I (para pão até 750 gr), tostagem média.
Depois de terminado o programa, retirar de imediato o pão da máquina.
Deixar o pão arrecefer um pouco e desenformar.
Pensei que ia ficar com um enorme buraco na base do pão devido à pá, mas acho que tive sorte de principiante pois a pá saíu que foi uma beleza!

4 comentários:

solidariedadepara disse...

Manda uma fatia para experimentar

Angela disse...

Achas que sobrou alguma coisa?? :P

Anônimo disse...

Boa tarde,

também estou inclinada a comprar uma máq. de fazer pão. O problema que se coloca é realmente o de fazer uma boa escolha. Apesar de não estarem demasiado caras, não queria ficar com mais um electrodoméstico, sem utilidade. Quando comprar tenciono usá-la e muito. Qual é a marca e modelo da sua?

Angela disse...

Olá!
A minha é uma BBA 2605 CLATRONIC. Não foi das mais caras e estou satisfeita. Foi uma das escolhas acertadas num estudo feito pela Proteste. Para mais detalhes:
http://www.worten.pt/ProductDetail.aspx?pid=02660653&oid=9%7C83&c=1700633
Quanto ao ser um electrodoméstico com muita ou pouca utilidade, e falando pela minha experiência, acho que vale a pena. Recomendo apenas que se tenha a MFP num sítio de fácil acesso (ex. em cima da banca da cozinha) em vez de ter que tirá-la da caixa de cada vez que queremos usá-la (parecendo que não, isso faz com que lhe demos menos uso..)
Obrigada pela visita e espero ter ajudado :)