quarta-feira, 24 de fevereiro de 2010

Bolo de natas para o meu aniversário :)

Com tudo o que se passou nos últimos dias cá na ilha, ainda não estou muito no espírito para grandes comemorações, por isso este ano apenas vou reunir a família mais chegada lá em casa.
Escolhi este bolo de natas sem ovos para variar um pouco dos últimos dois que foram à base de chocolate. É uma receita que está num dos antigos cadernos de receitas da minha Mãe; apenas menciona os ingredientes e népias quanto ao modo de preparação, nem quanto tempo leva a cozer nem nada disso. Mas já tinha feito este bolo há mais de 10 anos e tinha deixado lá uma nota de que fica óptimo! E então foi assim que eu fiz:


Ingredientes:
1 chávena de natas (usei natas light, com 22% de M.G.)
2 chávenas de açúcar
3 chávenas de farinha de trigo
½ pacote de soda (deitei 1 colher de sobremesa rasa)
2 colheres (sopa) de mel
½ litro de leite (usei magro)
Raspa de 1 limão

Para a cobertura:
200 gr de açúcar em pó
1 colher (sopa) de xarope de groselha
umas gotas de sumo de limão
1 clara de ovo

Preparação:
Misturei o açúcar com as natas e juntei o mel. Depois fui adicionando a farinha misturada com o bicarbonato de sódio, alternando com o leite. Bati tudo muito bem e no fim deitei a raspa do limão.
Deitei esta massa numa forma untada com manteiga e polvilhada com farinha e levei a forno quente (180ºC) durante cerca de 45 minutos.


Depois do bolo estar frio e desenformado, faz-se o glacé misturando, numa tigela, o açúcar em pó com umas gotas de sumo de limão, a groselha e a clara de ovo. Bate-se até engrossar ligeiramente e cobre-se o bolo com este preparado. Polvilhei com granulado colorido para terminar a decoração e deixei a cobertura secar. Assim que possa coloco as fotos!

Notas: usei uma chávena com capacidade para cerca de 250 ml.
Não convém cobrir o bolo enquanto este ainda está quente/morno pois será mais difícil para o glacé começar a solidificar.

Fonte: a receita da cobertura foi tirada da revista Teleculinária nº 892.

Adenda: fotos colocadas como prometido! :)

2 comentários:

Abelha Maia disse...

Sim realmente depois de tudo o que têm passado não deve ser fácil.
Bjssssss

Angela disse...

É verdade... mas aos poucos vamo-nos recompondo. Bjinhos